Logo
Menu
Ele é o Cristo - Jo 7,40-53 (Ano A)
Quinta-feira, 09 DE DE 2020

Abril
2020

04

04

DOM
SEG
TER
QUA
QUI
SEX
SAB
  • 1
    [Dia 1] Amarás teu próximo como a ti mesmo
  • 2
    [Dia 2] Dois homens subiram ao templo para orar - Lc 18,9-14
  • 3
    [Dia 3] É preciso que façamos as obras daquele que me enviou - Jo 9,1-41
  • 4
    [Dia 4] O homem acreditou na palavra de Jesus - Jo 4,43-54
  • 5
    [Dia 5] Levanta-te, pega a tua maca e anda - Jo 5,1-16
  • 6
    [Dia 6] O Pai ama o Filho - Jo 5,17-30
  • 7
    [Dia 7] Eu vim em nome do meu Pai - Jo 5,31-47
  • 8
    [Dia 8] Aquele que me enviou é verdadeiro - Jo 7,1-2.10.25-30
  • 9
    [Dia 9] Ele é o Cristo - Jo 7,40-53
  • 10
    [Dia 10] Eu sei que ele vai ressuscitar - Jo 11,1-45
  • 11
    [Dia 11] Quem dentre vós não tiver pecado - Jo 8,1-11
  • 12
    [Dia 12] Aquele que me enviou está comigo - Jo 8,21-30
  • 13
    [Dia 13] Eu falo do que vi junto do Pai - Jo 8,31-42
  • 14
    [Dia 14] Meu Pai é quem me glorifica - Jo 8,51-59
  • 15
    [Dia 15] 0Eu sou Filho de Deus - Jo 10,31-42
  • 16
    [Dia 16] O plano para matar Jesus - Jo 11,45-56
  • 17
    [Dia 17] Hosana! Entrada em Jerusalém - Mt 21,1-11
  • 18
    [Dia 18] Jesus foi a Betânia - Jo 12,1-11
  • 19
    [Dia 19] Agora foi glorificado o Filho do Homem - Jo 13,21-33.36-38
  • 20
    [Dia 20] Um de vós me vai entregar - Mt 26,14-25
  • 21
    [Dia 21] Jesus lava os pés dos discípulos - Jo 13,1-15
  • 22
    [Dia 22] Está tudo consumado - Jo 18,1-19,42
  • 23
    [Dia 23] Ressuscitou, como havia dito - Mt 28,1-10
  • 24
    [Dia 24] Maria Madalena foi ao túmulo e viu - Jo 20,1-9
  • 25
    [Dia 25] Alegrai-vos - Mt 28,8-15
  • 26
    [Dia 26] Maria! - Jo 20,11-18
  • 27
    [Dia 27] Jesus se aproximou e começou a caminhar com eles... - Lc 24,13-35
  • 28
    [Dia 28] A paz esteja convosco! - Lc 24,35-48
  • 29
    [Dia 29] Vinde comer - Jo 21,1-14
  • 30
    [Dia 30] Maria Madalena foi anunciar - Mc 16,9-15
Evangelho

Texto:

Ouvindo estas palavras, alguns da multidão afirmavam: "Verdadeiramente, ele é o profeta!" Outros diziam: "Ele é o Cristo!" Mas outros discordavam: "O Cristo pode vir da Galiléia? Não está na Escritura que o Cristo será da descendência de Davi e virá de Belém, o povoado de Davi?"... Alguns queriam prendê-lo, mas ninguém lhe pôs as mãos. Os guardas então voltaram aos sumos sacerdotes e aos fariseus, que lhes perguntaram: "Por que não o trouxestes?" Responderam: "Ninguém jamais falou como este homem". Os fariseus disseram a eles: "Vós também vos deixastes iludir? Acaso algum dos chefes ou dos fariseus acreditou nele? Mas essa gente que não conhece a Lei são uns malditos!" Nicodemos, porém, um dos fariseus, aquele que tinha ido a Jesus... disse: "Será que a nossa Lei julga alguém antes de ouvir ou saber o que ele fez?" Eles responderam: "Tu também és da Galiléia? Examina as Escrituras, e verás que da Galiléia não surge profeta".

Comentário:

Jesus está na festa das Tendas, em Jerusalém. João a chama de "festa dos judeus" (7,2) indicando que o interesse de Jesus não era a festa, mas o anúncio da Boa Nova aos peregrinos que chegavam. Em João é frequente a referência genérica a "judeus" como os adversários de Jesus. Jesus suscita a controvérsia em relação à sua pessoa. É o profeta que anunciará o messias ou é o próprio Messias (Cristo) triunfante? Para os chefes e os fariseus a origem humilde de Jesus não permite nenhuma destas interpretações. Porém, para o povo oprimido, Jesus "fala como jamais ninguém falou". É o anúncio da novidade do Reino, que suscita a curiosidade das mentes submissas à ideologia do poder. Mas o amadurecimento é lento. Exige escuta, acolhida e libertação.
NEWSLETTER Cadastre-se e receba em seu e-mail nossos informativos
CADASTRAR
Newsletter
Endereço: Av. Luis Osório, nº 450
Acompanhe-nos: