Penápolis, Terça-Feira, 21/01/2020 PrincipalFale conosco
Busca
Principal Sobre o Santuário Os Freis Evangelho do dia Horários Notícias Fale conosco
 
Cadastre seu e-mail e receba uma mensagem de paz em sua caixa postal todas as semanas
Nome
E-mail
Evangelho - Ano a
<< Janeiro / 2020 >>
Semana Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb
1 ª 1 2 3 4
2 ª 5 6 7 8 9 10 11
3 ª 12 13 14 15 16 17 18
4 ª 19 20 21 22 23 24 25
5 ª 26 27 28 29 30 31

 

Jesus escolhe os doze apóstolos - Mc 3,13-19 - 21/01

 





Texto:
Jesus subiu um monte, chamou os que ele quis, e eles foram para perto dele. Então escolheu doze homens para ficarem com ele e serem enviados para anunciar o evangelho. A esses doze ele chamou de apóstolos. Eles receberam autoridade para expulsar demônios. Os doze foram estes: Simão, a quem Jesus deu o nome de Pedro; Tiago e João, filhos de Zebedeu (a estes ele deu o nome de Boanerges, que quer dizer "Filhos do Trovão"); André, Filipe, Bartolomeu, Mateus, Tomé, Tiago, filho de Alfeu; Tadeu, Simão, o nacionalista; e Judas Iscariotes, que traiu Jesus.

Comentário: A lista dos doze apóstolos parece ter surgido como tradição das primeiras comunidades de judeus convertidos, e os evangelistas sinóticos incorporaram-na em seus evangelhos. O número "doze" sugere a continuidade do novo movimento cristão às doze tribos de Israel. Jesus é apresentado como novo Moisés, constituindo um povo novo sobre a terra, sob a égide dos Doze escolhidos. Moisés recebera na montanha (Sinai) a Lei e do alto da montanha (monte Nebo) vislumbra a terra na qual serão instaladas as doze tribos. Alguns dos nomes citados só aparecem nessa lista. Ao longo dos evangelhos sinóticos, só serão mencionados Pedro, André, Tiago, João, Mateus (só em Mateus) e Judas Iscariotes; e no evangelho de João, apenas Pedro, André, Filipe, Natanael (Bartolomeu?), Tomé, Judas (Tadeu?) e Judas Iscariotes. Também no evangelho joanino não há a lista dos Doze nem referência a "apóstolos", aparecendo sempre o termo "discípulos", o que sugere uma visão diferenciada do movimento de Jesus, mais como uma novidade surgida a partir da Galileia do que uma continuidade do Judaísmo que desponta na esteira do antigo Israel.



 
 
Principal Sobre o Santuário Os Freis Galeria de Fotos Horários Notícias Fale conosco  
 

Este site foi visitado 265391 vezes.

© 2009 Santuário São Francisco de Assis - Penápolis. Todos os direitos reservados.